Presidente da Infraero diz não ter recursos para desapropriações em Navegantes

Presidente da Infraero diz não ter recursos para desapropriações em NavegantesA reunião de representantes da região de Navegantes com autoridades da aviação, em Brasília, terminou em clima de frustração. O presidente da Infraero, Gustavo do Vale, disse que a empresa pública não tem previsão de recursos para pagar os R$ 110 milhões que ainda faltam no cronograma de desapropriações do plano de ampliação do Aeroporto Ministro Victor Konder.

O montante corresponde a 30% da área total da ampliação. Outros 70% já foram desapropriados e aguardam a transferência de propriedade da prefeitura de Navegantes para a União.

O ministro-chefe da Aviação Civil, Moreira Franco, afirmou que os recursos para a obra, propriamente dita, estão garantidos e que a ampliação de Navegantes faz parte do Programa de Aviação Regional do governo federal. Sugeriu que os prefeitos reúnam-se com o governador de Santa Catarina para discutir a extensão das obras e os custos previstos para a desapropriação dos terrenos.

A comitiva de empresários e prefeitos da região, que incluiu os presidentes das associações empresariais de Navegantes e Itajaí, Osmari Castilho Ribas e Eclésio da Silva, além dos prefeitos Jandir Bellini (Itajaí), Roberto Carlos de Souza (Navegantes), Rodrigo Costa (Itapema), Ana Paula da Silva (Bombinhas) e Leonel Martins (Balneário Piçarras), fez outra sugestão ao ministro: querem saber da possibilidade de readequar o projeto para que caiba nos 70% de área desapropriada.

Moreira Franco prometeu uma viagem a Navegantes assim que a transferência dos terrenos pela prefeitura estiver formalizada, o que deve demorar 60 a 90 dias.

A Secretaria de Aviação Civil (SAC) deve receber nesse período o Estudo de Viabilidade Técnica (EVT) da empresa responsável pelo projeto, analisar e passar ao Banco do Brasil para liberar o estudo preliminar, que é o que vale para dar início à licitação.

Fonte: http://wp.clicrbs.com.br  (Dagmara Spautz – Foto: Marcos Porto)


FacebookGoogle+LinkedIn

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *